Saiba quais são as principais especialidades veterinárias

19 de março de 2018 Mundo Pet

Quando um pet fica doente, a primeira coisa que seu tutor pensa é levá-lo logo ao veterinário clínico geral, não é mesmo? Apesar de existir várias especialidades veterinárias, nem sempre sabemos o real problema dos mascotes. Por isso, é necessário, sim, buscar primeiramente o clínico geral, para que ele dê seu diagnóstico e, se preciso for, indique um especialista.

Dependendo do problema, o indicado é que bichinho seja encaminhado a um profissional especializado que dará um tratamento mais aprofundado à doença   assim como ocorre com os humanos.

Quer conhecer sobre as especialidades mais conhecidas da medicina veterinária? Acompanhe!

Cardiologia

A cardiologia trata as doenças cardíacas que podem ocorrer em cães e gatos por variadas causas, como problemas congênitos, idade avançada, parasitas, predisposição da raça, etc. Algumas raças de felinos estão mais predispostas, assim como existem raças de cães mais suscetíveis a doenças cardíacas, como o yorkshire e o poddle, por exemplo

As patologias cardíacas mais comuns em cães são: valvular crônica, persistência de ducto arterioso, cardiomiopatia dilatada e displasia de tricúspide. Em gatos, as cardiomiopatias hipertrófica e dilatada são as mais frequentes. 

Alguns sintomas podem indicar uma possível doença cardiorrespiratória, como secreção nasal, cansaço fácil, falta de ar, sopro cardíaco, língua azulada, tosse… Vale lembrar que antes de se submeter a qualquer cirurgia, o animal deve passar por uma avaliação cardiológica e anestésica.

Oftalmologia

A oftalmologia veterinária é a especialidade que, assim como nos humanos, avalia e trata problemas relacionados aos olhos. Entre as doenças oculares mais comuns em cães e gatos estão o glaucoma, a catarata, as conjuntivites, lesões de córnea e retina, os prolapsos de globo ocular e de glândula lacrimal — chamada de cherry-eye.

Levar seu filho de quatro patas diretamente a um profissional especialista em oftalmologia é uma decisão mais objetiva para o tutor, afinal, identificar o problema pode ser mais fácil. Sinais como secreções, inchaços e vermelhidão, merecem atenção! Cães da raça pug, shih tzu e buldogue, bem como os gatos persas, estão mais predispostos a adquirir úlceras de córnea pela conformação de suas faces.

Dermatologia

A dermatologia é a especialidade da medicina veterinária que trata as enfermidades relacionadas à pele e anexos (unhas e pelos). Assim como os humanos, os pets podem apresentar uma série de doenças, como alergias, doenças autoimunes, enfermidades provocadas por fungos e bactérias e até câncer de pele.

Alguns problemas de pele são muito difíceis de serem diagnosticados. Nestes casos, os profissionais especializados são capacitados para diagnosticar a doença e indicar o tratamento adequado.

Alguns sinais indicam problemas dermatológicos, como falhas na pelagem, coceira, feridas, caspa, descamação, secreção na pele ou ouvidos, odor ruim, alterações nas unhas, queda constante de pelos, entre outros.

Endocrinologia

A especialidade trata os problemas hormonais que podem ocorrer em cães e gatos. Geralmente estão relacionados a problemas na tireoide — que quando produz hormônios em excesso provoca o hipertireoidismo (comum em gatos) e o hipotireoidismo, quando a produção é escassa (comum em cães). Já o diabetes está relacionado a problemas na produção de hormônios pelo pâncreas.

O endocrinologista está capacitado para diagnosticar e fazer o devido controle. Os sintomas mais comuns que indicam doença hormonal são: obesidade, aumento na ingestão de água, falhas de pelo, alterações no apetite, diarreia, vômitos e até mesmo convulsões. Fique atento!

Nutrologia

A especialidade visa orientar os tutores a manterem a alimentação adequada de seus pets. Em especial, aqueles que apresentam doenças diretamente afetadas pela nutrição, como doenças renais e diabetes, por exemplo. O tratamento vai especificar qual a melhor dieta e em qual quantidade o pet necessita para ficar bem. Inclusive, indicando suplementação nutricional, se necessário.

Médicos veterinários têm muitas especialidades, tal como os médicos de humanos. As especialidades veterinárias podem ajudar os tutores a encontrar e fazer o tratamento ideal para cada problema, aumento a qualidade e a expectativa de vida de nossos amigos peludos.

Qual das especialidades veterinárias apresentadas está mais indicada para o seu pet? Entre em contato conosco, conheça um pouco sobre o nosso trabalho e saiba todos os cuidados que podemos oferecer ao seu melhor amigo!